O PODER DAS REDES SOCIAIS

Como filha de tabeliã devo repassar a sugestão de um conselho (sugestão, porque se conselho fosse bom a gente não dava ,vendia) recebido desde muito jovem de minha mãe:” cuidado com o que escreve,pode se transformar em documento contraimagens-cartas-de-amor-7ed3a7 você”

As redes sociais tem se transformado, isso é inevitável, em fonte de todo tipo de vaidade.Somos todos relações públicas de nós mesmos e se bobear a carreira de  “Assessor de Imprensa” vai acabar logo logo,ou ter outro perfil.

b3 Orgulho e PreconceitoViajando,usufruindo de restaurantes muito bons ,às vezes nem tanto, no Brasil e no mundo,  bebendo,comprando,fazendo esportes,namorando, tudo publicamos, sem nos preocuparmos que tipo de sentimentos estamos causando nos nossos “amigos” das redes sociais.Claro, há pessoas que vibram positivamente ao serem apresentadas a um mundo desconhecido, admiram ter acesso a novas informações,ou mesmo são levadas a relembrar experiências já vividas que nos trazem lembranças muitas vezes maravilhosas,no entanto há outras que roem as mãos de INVEJA,e inveja é uma m…..!!!Não perdoam o sucesso.Alheio.

Precisamos avaliar consequências do que publicamos pois há uma equipe de plantão para criticar e destruir pessoas que inadvertidamente publicam elogios recebidos ou mesmo um carinho, um presente e são mal interpretadas ou melhor alimentam a necessidade que indivíduos de má fé,tem de destruir em lugar de construir o bem e a compreensão do “outro”

Não fui vítima de nenhuma crítica ainda,nem tenho procuração para defender nenhuma causa em especial mas, na minha existência tenho visto bandeiras abraçadas irresponsavelmente, destruircirco pessoas,empresas, empregos,famílias inteiras ,causas que são abraçadas por pessoas de má fé ou extremamente invejosas.A verdade aparece mas nem sempre a tempo de restaurar as vidas que foram destruídas.Nas redes sociais comentários que fazemos podem correr como rastilho de pólvora. Num segundo fazem um estrago enorme.Portanto aqui vai o meu conselho amigo: CUIDADO há muita gente de plantão torcendo contra o que é do bem. LOUCAS para verem o “circo” pegar fogo.

Anúncios
Categorias: Home | Tags: , , , , | 9 Comentários

MISSA O MISTÉRIO DE NOSSA FÉ

Nesse momento de grande crise da Igreja Católica eu não poderia deixar de manifestar a minha fé e aproveito para trazer aqui o meu entendimento da Santa Missa escrito de uma forma simples mas que nos dá a compreensão da grandeza desse sacramento.Esse roteiro da missa foi escrito há pelo menos 20 anos,numa fase especialmente difícil de minha vida, em que estive muito voltada para a Igreja, onde encontrei conforto e orientação .Gostaria de usar uma imagem bastante antiga, o Antigo Testamento, anterior a Abrão e Moisés, que é a dos altares em que os fiéis depositavam as suas oferendas, frutas, animais como cordeiros, onde o sangue do animal era usado como purificador ( oferendas acompanhadas de orações.)

É a mesma atitude agora diante dos altares da Igreja nos dias atuais.

 Oração sobre as oferendas:

Vemos na missa a presença da trindade divina Pai, Filho e Espirito Santo.A assistência à S. Missa

Chegamos primeiro à casa do Pai, inicia-se a missa com o

CANTO DE ENTRADA

 Alegramo-nos como os filhos se alegram quando entram na casa de um pai querido.

Em seguida a SAUDAÇÃO

Da mesma maneira que dizemos : bom dia , como vai? Saudamos a Deus, em nome do Pai do Filho e do Espirito Santo e o Pai então nos responde: Irmãos e irmãs sejam bem-vindos. Aí então vemos a presença do sacerdote falando por Deus Nosso Pai.

Como filhos, respondemos

Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo ( nosso irmão mais querido)

ANTÍFONA DA ENTRADA

Clamo por vós meu Deus (nosso Pai)

Ouvi os meus pedidos

Guardai-me Pai como somente um Pai faria com seus filhos queridos.

ATO PENITENCIAL

Pedimos a Deus ( Pai) perdão de nossos pecados repetidas vezes —Senhor tende piedade de nós —e a nosso irmão que morreu por nós. Cristo tende piedade de nós .

Falamos novamente com o Pai que nos quer para seus filhos, que se apiede de nós. Senhor tende piedade de nós.

HINO DE LOUVOR

Louvamos pela sua aceitação de nós, como filhos. Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens por Ele amados: Senhor Deus rei dos céus, Deus pai Todo Poderoso

ORAÇÂO DE ENTREGA

 

Nos colocamos ao dispor de DEUS (Pai)para servi-lo de todo o coração ,Por Nosso Senhor Jesus Cristo Vosso Filho NOSSO IRMÃO na unidade do Espirito Santo.

Nesse momento começamos a sentir a presença de Maria como a mãe de Jesus e nossa Mãe.

PRIMEIRA LEITURA

Deus nos fala, quase sempre nesse momento. A Primeira Leitura vem do Antigo Testamento. Antes, portanto da vinda de Cristo.

SALMO RESPONSORIAL

São os salmos de Davi, que são salmos de louvor  “Sobre nós venha Senhor a Vossa Graça da mesma forma que em vós nós esperamos”

2ª LEITURA

Deus anuncia a vinda do Filho (Antigo Testamento)

EVANGELHO

Aclamamos a vinda de Jesus

Aleluia,aleluia,aleluia.Alegria pelos ensinamentos. A grandeza dos discípulos de Jesus não está na glória e no poder mas na capacidade de servir. Ao termino do Evangelho o sacerdote que é o intermediário do Pai, diz Palavras da Salvação que são promessas de Deus através de  seu Filho.

PROFISSÃO DE FÉ

Rezamos o Creio em Deus Padre

Oração da Comunidade

Devemos sempre formular a intenção. Rezamos pela comunidade como um todo

Igreja- seus membros

Governo

Povo como um todo.

Depois fazemos o nosso pedido pela comunidade ou por nós mesmos,ai então em atitude de reflexão faremos

CANTO DAS OFERENDAS

Nós filhos devemos ofertar com alegria aquilo que pudermos para a manutenção da Casa do Pai ( Deus). Nós não enganamos a Igreja mas enganamos ao Pai quando negamos à Igreja, pois Deus pede isso através de muitas passagens da Bíblia . Está em Malaquias 3—8 a 10

ORAI IRMÃOS E IRMÃS

Pedimos a Deus nosso Pai que aceite o que temos para dar

Orai irmãos e irmãs para que o nosso sacrifício seja aceito por Deus Pai todo poderoso. Receba o Senhor por suas mãos esse sacrifício para a glória de seu nome para nosso bem e de toda a Sta Igreja.

Rezemos sobre as oferendas

ORAÇÃO EUCARÍSTICA

Neste momento estamos plenos de Deus.JESUS_-_FIGURA

O Senhor esteja convosco, Ele está no meio de nós.

Corações ao alto

O nosso coração está em Deus

Demos graças ao Senhor Nosso Deus

É nosso dever e salvação

Na verdade…

Em seguida sentimos a presença do Espirito Santo e cheios de admiração reconhecemos a grandeza do poder de Deus.

Santo, Santo, Santo é o senhor Deus do Universo, o céu e a terra proclamam a Vossa Glória ,

bendito o que vem em nome do Senhor, da Igreja e da Fé.

Vemos a união da Igreja com Cristo e com seus filhos

OFERTÓRIO

No momento do ofertório o sacerdote é o nosso veiculo de comunicação com Deus  pedindo em nosso nome o perdão de nossos pecados.

Deus nos perdoa : como é grande pai a Vossa misericórdia.

CONSAGRAÇÂO

Pão e Vinho- Corpo e Sangue de Jesus

É o grande momento da aliança com Jesus. É o grande momento dos nossos pedidos de grandes transformações em nós sempre em nome de Jesus. É o grande momento do mistério de nossa fé.O sacerdote apresenta ao Pai o cordeiro sacrificado ,Jesus Cristo visível no seu sofrimento na cruz ao mesmo tempo transfigurado gloriosamente por sua vitória sobre a morte. Durante essa consagração vemos a presença de Maria que esteve juntamente com João e Madalena aos pés da cruz. O centurião pagão reconhece após a morte de Jesus a verdade de que Ele é o filho de Deus.A partir desse momento passamos a conversar com Jesus. Esperamos Cristo a vossa vinda gloriosa.

RITO DA COMUNHÃO

Guiados pelo Espirito de Jesus ,iluminados pelo Evangelho rezamos  a oração que Jesus nos ensinou

Pai Nosso que estais no céu…

Aí sentimos total integração ,Pai, Filho e Espirito Santo em nós seus filhos e seus irmãos.

Nesse momento nos confraternizamos com nossos irmãos na fé nos abraçando e desejando PAZ.

Saudamos ao Cordeiro de Deus e pedimos que Ele nos livre de nossos pecados e tenha piedade de nós.

Pedimos para sentar a sua mesa: Senhor eu não sou digno que entreis em minha casa (meu coração) mas dizei uma só palavra e minha alma será salva.

COMUNHÃOsanta-missa1

Vem a resposta: sempre tem mais um lugar na mesa para quem sabe repartir o pão.Isto é o testemunho dessa comunhão.É distribuir o conhecimento da fé em Cristo e da grandeza da aceitação dele e do sacrifício que ele fez por nós.

INTERIORIZAÇÃO

Momento nosso com Jesus

ANTIFONA

Certeza de que o filho de Deus veio dar a sua vida por nós.

 Oração após  a comunhão .

Benção final que nos protegerá  de todos os males ,AMEM.

 

 

 

  

Categorias: Home | Tags: , , , , , , , | Deixe um comentário

TRAGÉDIAS ANUNCIADAS

Impossível escrever um novo artigo esses dias sem falar da tragédia de Sta. Maria,  R.G.S  Impossível ficar neutro diante de tanta dor. Minha avó dizia que ao perder um filho, você nunca mais será a mesma pois perde também um pedaço do seu coração.A morte,embora seja a única certeza da vida,sempre nos causa um impacto absurdo, especialmente se for por tragédias:acidentes de carro,avião ,barco, moto,tragédias da natureza,assaltos mas, essas vivências são mais previsíveis, pois fazem parte da vida moderna do ir e vir de todos nós,entretanto um INCÊNDIO? Quem imagina um incêndio?Um momento de festa, de celebração? São 236 pessoas que ao morrerem deixam um rastro de dor em 236 pais ,236 mães,e assim sucessivamente em incontáveis membros da família e da comunidade. Horror!!!

Irresponsabilidade do poder público que faz todas as coisas no improviso, permitindo o uso de imóveis impróprios para esses fins,sem ventilação natural, verdadeiras caixas de concreto escuras,sem evacuação rápida, que se espera em situação de pânico, que seja feita em no máximo três minutos!!!Os jovens como todos os jovens,em nome da diversão e graças a Deus por não serem neuróticos entregam a sua segurança com toda a confiança a esses proprietários gananciosos,achando que se a casa noturna está funcionando,está tudo bem. Não está!!!

Pergunto a quem tem por hábito frequentar as “baladas” em São Paulo ( maior e mais avançada cidade da América Latina) se essas casas estão preparadas para uma situação como a vivida em Sta. Maria. Gostaria de saber, diante do número  por aqui em torno de 600 casas noturnas, se podemos citar 20% em perfeitas condições de segurança. Se possuem pessoal treinado adequadamente para enfrentar uma situação como essa. Já se deram conta do nível de quem faz a segurança desses lugares? São, com honrosas exceções, pessoas  mal preparadas,truculentas, que tratam nossos filhos e netos como bandidos. A toda hora vemos situações descritas nos jornais, de acidentes muitas vezes fatais, envolvendo os clientes com esse pessoal.

É preciso nos mobilizarmos e exigirmos do poder público uma vistoria responsável desses lugares  antes que tenhamos outra tragédia dessas. Orientarmos nossos filhos para ficarem muito atentos aos ambientes que frequentam, porque em nome da diversão não se pode permitir a irresponsabilidade. Em nome da diversão é preciso cautela pois a segurança pessoal tem que vir antes de qualquer coisa. Os jovens hoje mais do que nunca tem acesso a tudo e  a maioria deles, não tem medo de nada. Vivem o momento presente como se fosse o último.

Não é normal os pais enterrarem os filhos e temos visto isto acontecer cada vez mais frequentemente.

Categorias: Home | Tags: | 6 Comentários

NOVA REALIDADE PARA O COMÉRCIO DE LUXO BRASILEIRO .

Semana passada fui convidada para conhecer o Shopping J.K. Iguatemi. Uma maravilha!!! Aliás hoje em São Paulo temos praticamente a maioria das grandes marcas mundiais, especialmente as italianas e francesas, mas também inglesas,espanholas,americanas etc… Os nossos shoppings se rivalizam com os das grandes capitais mundiais e não sei se não estamos em melhor posição em termos de instalações ,espaços e luxo, muito luxo.Tudo que qualquer consumidor mais exigente sonha, já temos por aqui, com preços de mercado bem razoáveis ao contrário do que vinha acontecendo quando havia intermediários nacionais, como representantes das marcas. Há ainda um componente que trás ao consumidor um grande conforto que é a possibilidade do parcelamento dessas compras,no cartão de crédito,o que no exterior não existe.

Um fator preocupante para as marcas nacionais se deve ao calendário, além de outros,que falarei mais adiante,como qualidade de tecidos, acabamentos e  criatividade.

Os lançamentos das coleções europeias estão sempre uma estação adiantados  pois são apresentados em todo o mundo inclusive no Brasil, ao mesmo tempo: inverno Europa quando é verão no Brasil  e vice-versa, e aí está acontecendo um grande problema. Quando eles liquidam as suas coleções, o Brasil está lançando a mesma estação e aí a “porca torce o rabo” .Os preços que eles estão praticando na liquidação são imbatíveis. Sapatos da Prada, Miu miu, Dolce Gabanna, Gucci por preços mais baixos que os de lançamento das coleções nacionais, as roupas uma loucura de lindas,com tecidos inacreditáveis, o corte então,simplesmente irresistível. Quero deixar claro que estou comparando preços,qualidade e estilo com as melhores marcas nacionais como Forum, Maria Bonita,. Huis Clos,Gloria  Coelho, Reinaldo e Pedro Lourenço, Herchcovitch,Fauze Hatten etc.

Sinceramente eu não sei qual seria a estratégia do mercado brasileiro mas, eles precisam fazer alguma coisa. Baixar preços? Como fazer isso sem diminuir qualidade? Fazer o caminho inverso?Ir para lá competir na terra deles? Se juntarem com   investidores poderosos?   E o custo disso? As marcas estrangeiras estão apoiadas pelos grandes conglomerados de bancos investidores como LVMH ,simplesmente imbatíveis. Temo pelas nossas marcas, construídas com tanto sacrifício num país que tem tido tantas dificuldades.A briga não dá nem para começar. Apesar das dificuldades na Europa, o mercado de luxo cresce a cada ano, como no caso da LVMH que está na China desde 1992,investindo nesse mercado gigantesco. Só para se ter uma ideia do poder financeiro, o último desfile da Fendi em Pequim custou U$ 10 milhões de dólares!!!

Dá para pensar em competir com esses gigantes? Eu acho que não! Torço por nossa industria mas não vejo uma luz no fim do túnel.

,

Categorias: Home | Tags: , , , , | 5 Comentários

ENFRENTANDO NOVOS HÁBITOS

Há algum tempo adquirimos o hábito de assistir séries de T.V e em algumas delas temos nos deparado com cenas do cotidiano  em países mais desenvolvidos que o nosso e a não ser em famílias muito abastadas, os empregados domésticos são raros.Extremamente qualificados,muitas vezes possuindo até nível superior,falando mais de um idioma, responsáveis e orgulhosos de sua profissão,bem pagos.No Brasil esses empregados estão também ficando raros,de uma maneira geral mal preparados, pouco responsáveis, nível educacional precário,envergonhados de sua profissão, na sua grande maioriaIMG_0414 desmotivados pelo pouco reconhecimento.Sempre os valorizei enormemente porque, para uma família moderna em que o casal trabalha(hoje as mulheres tem um peso enorme no orçamento doméstico) termos uma boa empregada é fundamental para o bom andamento da casa,dos filhos,da vida,mas estamos encontrando enormes dificuldades em consegui-las.Considero que com o nível educacional encontrado seria interessante que houvesse cursos preparatórios para a função, especialmente orientando para uma relação de direitos mas também de deveres.Reconheço que nos moldes atuais da sociedade brasileira,é necessário ensinar noções básicas de higiene,conhecimento de culinária, organização e até logística.Ao adquirirem esses quesitos o orgulho da profissão virá e com isso melhor valorização salarial também.Estamos próximos de novas leis para a categoria mas elas virão sem que dos empregados seja exigido nada ,só de quem emprega e sempre nós evoluímos pelo caminho mais difícil.Há uma enorme desconfiança de ambas as partes e isso gera, até se estabelecerem as relações com a família muito desconforto.Somos um casal,um apartamento organizado,em bairro com infraestrutura ótima,o salário é bem substancial,oferecemos plano de saúde, todos os direitos respeitados, acomodações confortáveis ,claras e bonitas,T.V.com todos os canais da Net e mesmo assim o jogo está duro. Detalhe ,somos de convivência amigável e tenho muita paciência em ensinar

BALEIA 2 059especialmente a cozinhar. Fazer o que? Abandonar as roupas de linho apesar do verão quentíssimo, não trocar roupa de cama duas vezes por semana, não usar guardanapos de pano só de papel ou ficar cliente diário da lavanderia de minha amiga Margarida.Cozinhar as maravilhosas iguarias que adquirimos nos mercados e feiras da cidade mas ter uma máquina de lavar louça e um triturador na pia da cozinha é fundamental. Bem as diaristas são sempre uma opção, mas elas precisam ser honestas, pois indo e vindo…

Acho que temos muitas frescuras para abrir mão,por isso sugiro  para todos hábitos mais simples.

Categorias: Home | Tags: , , , , | 6 Comentários

LEMBRANÇAS DE UM TEMPO MUITO BOM.

Durante a correria de Natal estive ausente,envolvida por uma série de coisas, algumas prazeirosas outras nem tanto mas que, como não dá para passar batido, tive que ficar um pouco distante de vocês. Hoje em bate-papo com uma prima muito querida, relembramos  nossa infância e ( as Festas de fim de ano fazem essas coisas) tantas lembranças maravilhosas nos levaram a 250px-Pompadour6um passado de felicidade e chegamos a algumas conclusões, como por exemplo, a magia que uma casa de uma avó tem.A casa de minha avó era um casarão enorme,na praça da igreja na minha cidade natal.Essa casa de muitos quartos e salas ,abrigou uma família gigantesca de 13 filhos,seus companheiros e 36 netos.Havia na entrada ao subirmos a escadaria, uma sala,muito linda, que só era3401728 aberta para receber visitas, com objetos e móveis preciosos mas a minha lembrança mais marcante eram os camafeus com cenas de nobreza campestre, pintados a mão no teto, no lugar das atuais sancas de gesso que dão acabamento às junções do teto com a parede. Cada camafeu era uma cena colorida,diferente umas das outras,um trabalho artístico verdadeiramente primoroso. Seguíamos por um corredor, ladeado de quartos e chegávamos a uma enorme sala de jantar cuja maior atração era uma mesa  para 30 pessoas,permanentemente ocupada em todos os seus lugares,pois havia o hábito das refeições serem feitas em conjunto por todos que trabalhavam na cidade e pelas crianças que estudavam em colégios próximos.  Nos reuníamos no almoço e no lanche da tarde quando vinham pães quentinhos da padaria e a manteiga era passada neles e derretia aos nossos olhos.Havia um lindo relógio de carrilhão,que marcava as horas, ritmadas como música. Lá um gramofone tocava músicas suaves, uma especialmente em minha memória,reproduzia sons como de gramofhone-decorativo-quadrado-replica-nova_MLB-O-220604563_9919pássaros.Mágico!!!Ao caminharmos para o fundo da sala,chegávamos a um pequeno hall onde havia as geladeiras. Eram Westhinghouse  com um motor em cima como se fosse uma grande bola.Atravessando a cozinha ,de onde saiam maravilhas,de fogões à lenha encontrávamos a despensa.Era uma loucura! Parecia uma loja onde se encontrava de tudo naquelas prateleiras. Grandes vidros com manteiga imersa em água salgada para mante-la fresca, vidros de azeitona, também em água salgada, de todos os tipos que eram consumidas avidamente por essa prima querida, resteas de cebola e alho, sacos de estopa cheios de arroz, feijão,farinha,batata,trigo, peças inteiras de bacalhau ,carne seca,caixas de maçãs e peras e os cepos de madeira com formas de queijos, suíços, do reino que faziam as delícias de meu irmão e de um primo pois eles os comiam  sem deixar rastros, uma vez que esses queijos tinham a casca dura e os meninos levantavam a peça e comiam por baixo, deixando-os vazios, o que provocava reações iradas de nossa avó uma vez que essas iguarias eram importadas e (nessa época, por volta dos anos 40/50 0 Brasil não produzia muita coisa)  levavam algum tempo para chegar de navio ao porto que se avistava do terraço desse casarão.Saudades de um tempo muito bom,de pessoas amadas que já se foram. Minha prima e eu chegamos facilmente a conclusão que as festas de fim de ano dão muito trabalho mas são importantes para incutirmos em nossos descendentes lembranças e solidificar raízes, que nos fortalecem para as lutas  da vida adulta.

Categorias: Home | Tags: , , , , , | 5 Comentários

SUA EXCELÊNCIA O PERU DE NATAL

A última edição da Veja São Paulo traz um ótimo artigo do americano/brasileiro Matthew Shirts que me trouxe lembranças deliciosas i17qwbLUgbfq43YBRAUoWyppjn1NH4uZ2EdSw6u8de Natais vividos ao longo de minha  existência. Como já falei em outro artigo, venho de família numerosa,com tradição de excelentes mulheres cozinheiras a começar pela minha avó Sinhazinha e as tias todas, de muita habilidade culinária.Nossos Natais eram gloriosos no casarão  de nossa família na cidade da Serra, Espirito Santo,onde nos reuníamos todos, meus tios e tias (minha avó teve 13 filhos) maridos e mulheres e meus primos.Éramos 36 crianças .Uma celebração!!!. Começávamos a chegar, para os dias de Festas, que começavam no Natal e terminavam com a festa de São Benedito e a puxada do mastro, procissão que se realiza até hoje,  através da cidade no dia 27/12, ansiosos pela chegada de primos que viviam no Rio de Janeiro ,ansiosos pelos presentes,o que era um ritual,pois a família de políticos presenteava alem de nós, os afilhados que vinham “pedir a benção”nessa data. Ficávamos a espera do momento mágico exitados com a movimentação. Nosso tio mais velho,patriarca da família,amava o Natal e ao lado de nossa avó nos proporcionava momentos de alegria e o mais importante a noção de pertencermos a um núcleo familiar,sólido,generoso e fraterno.  Os preparativos envolviam o esforço de várias cozinheiras sob o comando de nossa avó e de uma tia que era a mestra nos assados. Indescritível o sabor dos leitões e do peru.Naquela época,estou falando do final dos anos 40 início dos anos 50,o peru era criado na casa e morto por elas, depois de ser embebedado.Hoje seria provavelmente classificado como tortura mas, era assim:começavam a dar cachaça para a ave uns dias antes e coisa incrível que nunca entendi,colocavam o animal dentro de um circulo de giz e ele ficava ali,não fugia! Matavam,depenavam,temperavam as aves,os leitõezinhos e começavam a assar! Os cheiros!Que maravilha!!! Nunca eu os esqueci Cheiros e música são eternos.Os cheiros da minha infância, só a lembrança de como eles eram, me emociona até hoje.

Meu tio Romulo Castello cantava algumas canções natalinas que fazemos questão de lembra-las até hoje.

Dos ritos se fazem os mitos.  

“Botei meu sapatinho, na janela do quintal ,Papai Noel deixou”…

Saudades,dele, de tudo e de todos, de um tempo muito bom.

Como não podia fugir a regra da família, hoje em dia, sirvo o peru assado com a receita dessas mulheres maravilhosas, entretanto compro o peru da Sadia

Receita do Peru de Natal

Um lindo peru descongelado.Imagem (11)Natal

  1. Retempera-se fartamente o peru temperado da Sadia, cebola,alho,vinho branco seco, Fondor  (gosto muito)louro.Deixa-se nesse vinha-d’alho de um dia para o outro
  2. Faz-se um refogado dos miúdos e depois de bem macios pica-se.
  3. Nessa etapa preparamos a farofa com a farinha Deusa. Manteiga e óleo em partes iguais,frita-se cebola picada,quando estiver dourada ,acrescenta-se as passas brancas e pretas (sem caroços),as ameixas, as nozes e os miúdos,sal e está pronta para rechear a ave.
  4. Recheamos fartamente o peru ,cuidando de preencher toda a cavidade do papo e do abdômen,costura-se. Amarra-se as perninhas.
  5. Coloca-se o peru bem untado de manteiga numa assadeira  forrada duplamente com papel alumínio, rega-se com o tempero e fecha-se com o papel alumínio.

Forno quente  a 180/200 graus.Verificar o tempo de cozimento na embalagem . NÃO confiar no termômetro Quando estiver macio (teste com um palito) abra a embalagem,regue com o molho que se forma na assadeira, passe mais manteiga,regue com um suco de sua preferência (laranja,abacaxi)e deixe dourar.SEGREDO : Tempo do cozimento não pode ser excessivo, a ave fica seca. Na hora de servir decorar com frutas em calda e fatiar lindamente

  FELIZ   NATAL

Categorias: Home | 5 Comentários

PESO IDEAL! VIGILÂNCIA ETERNA.

Desde muito jovem tenho cuidado do meu peso. Não é tarefa fácil.Não sou uma pessoa gulosa mas, reconheço que a essa altura da vida, ter restrições cada vez maiores, CANSA. Sou tão controlada no quesito alimentação que esses anos todos em que temos viajado,inclusive viagens gastronômicas,volto sem engordar uma grama sequer, no entanto, a cada ano que passa tenho aumentado mais e mais a carga de exercícios o que não teve resultados muito bons nos últimos  dois anos. Nossa viagem no Seabourne Odissey, Veneza a Istambul por quinze dias,maravilha das maravilhas, templo de guloseimas inacreditáveis,vinhos à vontade ,caviar idem (comentário de minha teacher Liz: it was a celebration)  causou estragos difíceis de consertar e andei correndo atrás o que finalmente consegui e preciso dividir com vocês. Descobri a Dieta de  Dr.Pierre Dunkan. FUNCIONA MESMO!!! Minha carga de exercícios é grande pois vou a academia com uma personal três vezes por semana, pelo menos há vinte anos,faço Pilates duas vezes por semana e caminho por uma hora ou uma hora e meia, TODOS OS DIAS,mas não estava adiantando. Com a idade o metabolismo fica realmente mais lento e apesar de todos os cuidados eu não estava fazendo a coisa muito certa.Tomava o meu vinhosinho todo dia, uma champanhota aqui e ali o que a cada dia que passa, fica mais comum nas boas lojas em São Paulo,oferecer uma taçinha aos clientes TÃO QUERIDOS( é preciso vender) e assim 2.5kgs se instalaram, aparentemente para sempre. E no lugar errado. Podia ser no rosto um pouquinho ,nas mãos (rsrsrs)mas não, todos eles na região da cintura e quadris.Minhas lindas roupas não cabiam mais. Desesperador.Quase me entreguei ao novo destino até que fui “apresentada” a esse médico francês através de uma entrevista dada por ele ao programa de minha xará na rede Globo .Imediatamente fui à uma livraria e adquiri o livro dele “Eu não consigo emagrecer”.Aconselho a leitura primeiro, para que se entenda como o regime funciona e assim quem decidir faze-lo,  esteja bem ciente do mecanismo do mesmo.Importantíssimo ressaltar que não se passa fome.Outra coisa importante que preciso ressaltar é o ranking dele .Emagreceu o Presidente da França,a Kate Middleton, a Jennifer Lopez ,a Júlia Roberts e por ai vai.Estamos em boa companhia. O regime baseia-se em alguns tópicos importantes.

  1. Fase de ataque nada de carbo -hidratos, só proteínas por  cinco dias.Não é difícil. Não se passa fome só se passa vontade.
  2. Fase de cruzeiro após 5 dias começamos a reintroduzir vegetais,mas ainda nada de carbo-hidratos,nada de azeite,mas o molho da salada pode ser delicioso com queijo cottage mostarda de Dijon,sal,pimenta. Essa fase deverá durar até você perder os quilos que deseja.
  3. Fase de manutenção deve durar 10 dias para cada quilo perdido. No meu caso 3 kgs –30 dias. Nessa fase reintroduzimos 2 fatias de pão integral,uma fruta,algum carbo,2 refeições de gala onde podemos beber algum vinhosinho,e comer uma refeição mais rica,claro sem chutar o balde
  4. Fase de estabilização
    É permitido comer tudo o que se deseja, contanto que a pessoa siga as regras da dieta pelo menos uma vez na semana. Alimentação normal com um dia de proteínas puras, aconselha-se quinta-feira (duração: para o resto da vida). Se, em alguma semana não puder ser naquele dia, faça em outro dia, mas na semana seguinte volte para o dia que você escolheu..
  5. Importantíssimo:Tomar muita água. Substituir o açúcar por adoçante.
  6.  1ª  fase -1 1/2 colher de farelo de aveia em um pouco de leite desnatado, sempre
  7. . 2ª  fase- 2 colheres de sopa de farelo de aveia em um pouco de leite.
  8.   3ª fase -3 colheres de sopa de farelo de aveia em um pouco de leite. A aveia será consumida para o RESTO DE NOSSAS VIDAS. Inegociável a quinta-feira de ataque onde só comemos para ,O RESTO DA VIDA —PROTEÍNAS Vale a pena ler o livro e verificar como fazer em cada caso. Estou bem magrinha. Saudável. Perdi medidas de,cintura,quadril e onde mais era necessário. Desejo a quem resolver seguir a dieta,muito sucesso.Estou me sentindo muito bem. Espero ter a sorte de manter esse peso.

Abaixo o link da Globo ou o vídeo do  Ex -Tricô

http://globotv.globo.com/rede-globo/mais-voce/v/dieta-dukan-entenda-este-regime-alimentar-que-conquistou-as-celebridades/2203446 – (copie e cole na barra de endereço do seu navegador)

Categorias: Home | Tags: , , , , , , , | 8 Comentários

OBJETO DE DESEJO: POLPETTONE JARDIM DE NAPOLI

Há  35 anos atrás moramos na Rua Aureliano Coutinho em Santa Cecília . Moramos num apartamento pequeno mas lindo de morrer ,todo planejado para um casal e três filhos, projeto do arquiteto Euclides Roco Junior. Um apartamento moderno muito funcional, bem divido e com espaços bem resolvidos. Moveis da Mobilínea,coloridos,modernos, misturas de cores inacreditáveis, como mesa e cadeiras de jantar laqueadas de laranja com estofados pink! Os sofás eram laqueados de verde pistache, com estofados em turquesa!Fomos muito felizes lá.Depois mudamos para os jardins, para um apartamento grande e bem confortável também decorado pelo Euclides assim como a nossa casa na praia de Pernambuco,Jardim Acapulco,que teve o projeto  do Euclides e a decoração  do Antonio Carlos Pagano meu grande amigo ,das pessoas que eu mais sinto falta na minha vida.No período em que moramos na Aureliano Coutinho,morava no mesmo prédio,alguns andares acima, o meu sogro Dr.Braga,presente em nossas vidas,especialmente com os estudos dos nossos filhos,o que era excelente,pois ele os ajudava enormemente com a matemática,o francês matéria obrigatória àquela época,e com o que fosse preciso no quesito escolar mas,o grande prazer eram os domingos! Almoçávamos sempre fora o que era uma alegria enorme,todos juntos e muitas vezes o programa era o” Polpettone” do Jardim de Napoli à rua Martinico Prado. Delícia das delícias!Era ansiosamente esperado, esse prato suculento,recheado generosamente de queijo muzzarela,servido, após degustarmos os deliciosos antepastos ,acompanhados do maravilhoso pão italiano da Basilicata.Como recordar é viver, aqui proponho tentarmos reeditar o famoso” bolinho de carne” .

2 pães  amanhecidos s/ casca

1/2 xícara de leite

1/2 kg de fillet mignon moído 2 x

+ou – 200grs de calabresa moída junto com a carne

1 cebola ralada

3 dentes de alho amassados

pimenta dedo de moça

cominho

suco de um limão

3 colheres de sopa de tempero pronto

mistura-se tudo deixando o pão por último depois de espreme-lo

divide-se a carne em duas partes, (rende duas porções generosas) e abre-se sobre um pedaço de papel filme,coloca-se muzarela ralada grosseiramente,cobre-se com a outra parte da carne,fecha-se bem. Pincela-se com clara de ovo e passa-se numa mistura de farinhas.

1 xícara de farinha de mandioca

1/2 xícara de farinha de rosca

3 colheres de sopa de trigo

Fritar em óleo não muito quente com a ajuda de uma espátula grande.   Secar em papel absorvente

Faz-se um molho de tomate a gosto e no final coloca-se um copo de vinho tinto.

Coloca-se numa travessa ,o Polpettone coberto com mais queijo muzarela,molho ,queijo parmezão e leva-se ao forno quente por 20′. Acompanha uma bela massa de sua escolha,um belo e encorpado vinho tinto,italiano de preferência, afinal, ” Dos ritos se fazem os mitos”

Categorias: Home | Tags: , , , , , , | 4 Comentários

CANNELÉS DE BORDEAUX

Meus grandes e queridos amigos Branca e Elias acabaram de chegar de viagem e me trouxeram de presente, as forminhas desses docinhos maravilhosos,segredo culinário pouco conhecido até mesmo na França.

Dizem que a receita é difícil e que é necessário que as forminhas sejam de cobre e os fornos especiais mas,as donas de casa e as editoras de livros de cozinha estão propondo a confecção desse doce em outros tipos de formas inclusive de silicone,bem mais baratas que as originais. O doce ao contrário do que o nome sugere não leva canela e esse nome se deve à forminha do bolinho, que é canelada.A receita original leva rum e baunilha em fava o que confere um sabor característico muito refinado.

As origens datam do sec . XVII e acredita-se que foram criados no convento das Announciades de Bordeaux.Durante muitos anos esse docinhos desapareceram até que foram ressuscitados pela família  Baillardran e hoje são fabricados em toda região especialmente em Saint-Emilion. Confeiteiros criaram uma confraria ou fraternidade cujo objetivo é proteger a integridade dos cannelés considerados patrimônio local e o bolo oficial da cidade.Em São Paulo é possível comê-lo na Brasserie de Erick Joaquim ou no Chef Rouge. DE-LI-CI-O-SOS

Essa receita eu obtive no Google e dá certo.

Rende aproximadamente 10 cannelés

250ml de leite

25 grs de manteiga

graos de 1 favo de baunilha
1 ovo + 1 gema
125 grs de açucar de confeiteiro
60 grs de farinhade trigo
15 ml de rum envelhecido

Levar a ferver o leite com a manteiga e os graos de baunilha.
Bater os ovos ligeiramente.
Juntar aos poucos o leite não muito quente aos ovos batidos.
Peneirar a farinha e misturar com o açúcar.
Juntar a farinha à mistura anterior aos poucos, mexendo bem.
Juntar o rum.
Colocar em pote fechado hermeticamente e deixar na geladeira de um dia para outro.
No dia seguinte, unte as formas com manteiga e polvilhe com açúcar.
Pré-aqueça o forno à 180° C.
Misture um pouco a massa antes de colocar nas forminhas.
Encha de 4/5 as formas.
Leve ao forno e deixe assar 50 minutos para os mini-canellés, os médios 1 hora e os grandes 1 hora e 10 minutos. Eles devem ficar com um dourado bem escuro.
Desenforme e deixe esfriar sobre uma grade.
Ele é muito bom comido imediatamente e no mesmo dia, depois o caramelizado do exterior amolece e ele perde um pouco da sua “magia”.
Categorias: Home | Tags: , , , , | 8 Comentários