Posts Marcados Com: Bordeaux

CANNELÉS DE BORDEAUX

Meus grandes e queridos amigos Branca e Elias acabaram de chegar de viagem e me trouxeram de presente, as forminhas desses docinhos maravilhosos,segredo culinário pouco conhecido até mesmo na França.

Dizem que a receita é difícil e que é necessário que as forminhas sejam de cobre e os fornos especiais mas,as donas de casa e as editoras de livros de cozinha estão propondo a confecção desse doce em outros tipos de formas inclusive de silicone,bem mais baratas que as originais. O doce ao contrário do que o nome sugere não leva canela e esse nome se deve à forminha do bolinho, que é canelada.A receita original leva rum e baunilha em fava o que confere um sabor característico muito refinado.

As origens datam do sec . XVII e acredita-se que foram criados no convento das Announciades de Bordeaux.Durante muitos anos esse docinhos desapareceram até que foram ressuscitados pela família  Baillardran e hoje são fabricados em toda região especialmente em Saint-Emilion. Confeiteiros criaram uma confraria ou fraternidade cujo objetivo é proteger a integridade dos cannelés considerados patrimônio local e o bolo oficial da cidade.Em São Paulo é possível comê-lo na Brasserie de Erick Joaquim ou no Chef Rouge. DE-LI-CI-O-SOS

Essa receita eu obtive no Google e dá certo.

Rende aproximadamente 10 cannelés

250ml de leite

25 grs de manteiga

graos de 1 favo de baunilha
1 ovo + 1 gema
125 grs de açucar de confeiteiro
60 grs de farinhade trigo
15 ml de rum envelhecido

Levar a ferver o leite com a manteiga e os graos de baunilha.
Bater os ovos ligeiramente.
Juntar aos poucos o leite não muito quente aos ovos batidos.
Peneirar a farinha e misturar com o açúcar.
Juntar a farinha à mistura anterior aos poucos, mexendo bem.
Juntar o rum.
Colocar em pote fechado hermeticamente e deixar na geladeira de um dia para outro.
No dia seguinte, unte as formas com manteiga e polvilhe com açúcar.
Pré-aqueça o forno à 180° C.
Misture um pouco a massa antes de colocar nas forminhas.
Encha de 4/5 as formas.
Leve ao forno e deixe assar 50 minutos para os mini-canellés, os médios 1 hora e os grandes 1 hora e 10 minutos. Eles devem ficar com um dourado bem escuro.
Desenforme e deixe esfriar sobre uma grade.
Ele é muito bom comido imediatamente e no mesmo dia, depois o caramelizado do exterior amolece e ele perde um pouco da sua “magia”.
Categorias: Home | Tags: , , , , | 8 Comentários