Posts Marcados Com: moda

NOVA REALIDADE PARA O COMÉRCIO DE LUXO BRASILEIRO .

Semana passada fui convidada para conhecer o Shopping J.K. Iguatemi. Uma maravilha!!! Aliás hoje em São Paulo temos praticamente a maioria das grandes marcas mundiais, especialmente as italianas e francesas, mas também inglesas,espanholas,americanas etc… Os nossos shoppings se rivalizam com os das grandes capitais mundiais e não sei se não estamos em melhor posição em termos de instalações ,espaços e luxo, muito luxo.Tudo que qualquer consumidor mais exigente sonha, já temos por aqui, com preços de mercado bem razoáveis ao contrário do que vinha acontecendo quando havia intermediários nacionais, como representantes das marcas. Há ainda um componente que trás ao consumidor um grande conforto que é a possibilidade do parcelamento dessas compras,no cartão de crédito,o que no exterior não existe.

Um fator preocupante para as marcas nacionais se deve ao calendário, além de outros,que falarei mais adiante,como qualidade de tecidos, acabamentos e  criatividade.

Os lançamentos das coleções europeias estão sempre uma estação adiantados  pois são apresentados em todo o mundo inclusive no Brasil, ao mesmo tempo: inverno Europa quando é verão no Brasil  e vice-versa, e aí está acontecendo um grande problema. Quando eles liquidam as suas coleções, o Brasil está lançando a mesma estação e aí a “porca torce o rabo” .Os preços que eles estão praticando na liquidação são imbatíveis. Sapatos da Prada, Miu miu, Dolce Gabanna, Gucci por preços mais baixos que os de lançamento das coleções nacionais, as roupas uma loucura de lindas,com tecidos inacreditáveis, o corte então,simplesmente irresistível. Quero deixar claro que estou comparando preços,qualidade e estilo com as melhores marcas nacionais como Forum, Maria Bonita,. Huis Clos,Gloria  Coelho, Reinaldo e Pedro Lourenço, Herchcovitch,Fauze Hatten etc.

Sinceramente eu não sei qual seria a estratégia do mercado brasileiro mas, eles precisam fazer alguma coisa. Baixar preços? Como fazer isso sem diminuir qualidade? Fazer o caminho inverso?Ir para lá competir na terra deles? Se juntarem com   investidores poderosos?   E o custo disso? As marcas estrangeiras estão apoiadas pelos grandes conglomerados de bancos investidores como LVMH ,simplesmente imbatíveis. Temo pelas nossas marcas, construídas com tanto sacrifício num país que tem tido tantas dificuldades.A briga não dá nem para começar. Apesar das dificuldades na Europa, o mercado de luxo cresce a cada ano, como no caso da LVMH que está na China desde 1992,investindo nesse mercado gigantesco. Só para se ter uma ideia do poder financeiro, o último desfile da Fendi em Pequim custou U$ 10 milhões de dólares!!!

Dá para pensar em competir com esses gigantes? Eu acho que não! Torço por nossa industria mas não vejo uma luz no fim do túnel.

,

Categorias: Home | Tags: , , , , | 5 Comentários

UM PRÍNCIPE NA MODA

Antes de mais nada preciso deixar claro que sou fã de carteirinha de tudo,em todos os níveis,produzido por Giorgio Armani.

Nascido em 1934 na cidadezinha de Piacenza,Emília Romana,ao norte da Itália ,viveu uma infância pobre ,em meio a 2a guerra mundial.Escapava da dura realidade se refugiando nos cinemas,assistindo filmes de Hollywood,nos quais absorveu a magia da beleza e da elegância das divas da época.Estudou dois anos de medicina mas,foi chamado para o serviço militar e ao ter férias foi trabalhar numa loja como fotografo e stylist de moda o que acabou por despertar o seu talento. Deixou a medicina e foi trabalhar na La Rinascente  famosa loja de departamentos italiana.Juntou-se a Nino Cerruti,trabalhando como designer junto a seu amigo Sergio Galeotti, e tornou-se designer freelancer para outras marcas. Em 1974  Giorgio e Galleotti lançaram a primeira coleção masculina e no ano seguinte fundaram a Armani S.p.A que foi um sucesso, porque tinha um frescor inigualável.Seu projeto era também conquistar os Estados Unidos e produziu o guarda-roupa de Richard Gere para o filme “Gigolô Americano”, o guarda-roupa de “Miami Vice” e aí o céu foi o limite. Rapidamente estava no red carpet vestindo John Travolta, Michelle Pfifer, Jodie Foster Julia Roberts e outros. Atualmente produz :   Armani Privé, Giorgio Armani ,Armani Collezione, Empório Armani. Armani Jeans, Armani (A/X), Armani Home.Possui uma linha de acessórios deslumbrantes, bijoux,sapatos ,bolsas,guarda- chuvas, óculos e perfumes. Em 2010 lançou sua linha de cosméticos .Alem disso ,os restaurantes, cafés,bares, floricultura. Um verdadeiro Midas. Sua última coleção de outono/ inverno é muito criativa, muito jovial,muito linda.Seus ternos voltam renovados com paletós mais compridos e mais justos,usados com sapatos Oxford bi colores, tecidos como tweeds aparentemente mais leves e veludos preciosos com golas de cetim . As camisas ,tem por vezes golas enormes ,são de gazar em cores fortes . Ele está usando muito laranja com preto em toda a coleção, inclusive nas bijoux.Sobre -saias em cima de bermudas pretas, algumas vezes coloridas, mais junto ao corpo, como uma cigarette no joelho Os casaquinhos são coloridos em mohair e pele, verdadeiras jóias. Meias mais opacas e bem escuras. Vestidos  em godê cascata em cima das bermudas.Para a noite vestidos justos clássicos,bordados em canutilhos que levam uma veste curta de macramê.Casacos volumosos coloridos, laranja a cor predominante.Finalmente finalizou o desfile com um longo preto,chemise num tecido molhado parecendo lamê com abertura frontal ,que como diria meu genro ” de derrubar gato do muro”. Vestir Armani é sinônimo de clássico, luxo e poder. É fazer parte de um grupo restrito que sabe apreciar moda.

;

;

Categorias: Home | Tags: , , , , , | 6 Comentários